ENTRE O PRAZER E O SIGNIFICADO

domingo, maio 14

Monólogos da Imagem 15

PV no céu da Madeira em Março de 2005
Viajar no Trabalho
Viajar em trabalho é algo que faço de vez em quando. Fico sempre um pouco dividido quando se aproxima o momento: por um lado vou viajar (descobrir, sair, voar, conhecer, patatí, patatá...), por outro lado vou trabalhar (responsabilidade, objectivos, horários, patatí, patatá...). Não me sinto com a liberdade total da viagem e tenho a responsabilidade do trabalho... digamos que é um voador com pouco palhaço.
Acho que a sensação deve ser semelhante aquele que está prestes a cometer uma pequena infidelidade amorosa: por um lado, quer descobrir, mas, por outro, tem qualquer coisa que o está sempre a preocupar e que o limita na descoberta.
Talvez a solução seja deixar de viajar em trabalho e passar a viajar no trabalho. Quem disse que a responsabilidade não pode ser divertida?
Até para a semana.

3 comentários:

Carla de Elsinore disse...

bom trabalho!

knuque disse...

well, um abraço para o el

Anónimo disse...

dadas as semelhanças sentidas, agrada-me pessoalmente mais que viajes 'no' do que 'em'...

‘Ever tried. Ever failed. No matter. Try Again. Fail again. Fail better.’

‘Ever tried. Ever failed. No matter. Try Again. Fail again. Fail better.’